top of page
Buscar

Hmmm que fome!!!


Figura 1. Lagartas comendo as folhas. Repare na folha ao lado das que estão lotadas de lagartas, ela praticamente só está com a nervura ("esqueleto").


Figura 2. As lagartas e um inseto comendo as folhas, sob outro ângulo.


As lagartas comendo as folhas.


Após observar as imagens e o vídeo, você consegue perceber se existe alguma interação entre os indivíduos? As lagartas e as folhas?


Todos os organismos vivos realizam um processo de convívio entre eles, ou seja, seres vivos de uma mesma comunidade relacionam-se entre si e com o meio ambiente. As Interações Biológicas podem ocorrer entre indivíduos da mesma espécie (Interações Intraespecíficas) ou entre indivíduos de espécies diferentes (Interações Interespecíficas). Estas interações podem ser classificadas em:

- Positivas ou Harmônicas: geram benefícios para ambos indivíduos que estão interagindo ou apenas um deles gera benefício e o outro torna-se indiferente;

- Negativas ou Desarmônicas: geram prejuízos para ambos indivíduos que estão interagindo ou apenas um deles é prejudicado.

- Neutras: interações que não produzem benefício ou prejuízo para um dos indivíduos.


Diante desta breve explicação, como podemos classificar essa interação entre as lagartas e as folhas?


Pense, um minuto...


Isso mesmo, uma interação biológica interespecífica negativa.


Os ecólogos denominam este tipo específico de interação biológica de "Herbivoria", onde um dos organismos (herbívoros) consome uma planta inteira ou apenas algumas partes dela. Biologicamente, podemos falar que os consumidores primários (lagartas/herbívoros) alimentam-se dos produtores (planta). Portanto, temos mais um conceito ecológico, a cadeia alimentar.


Um pouco mais de informação

"Os herbívoros possuem muitas adaptações especializadas. Muitos insetos herbívoros apresentam sensores químicos nas pernas que lhes permitem distinguir plantas com base em sua toxicidade ou valor nutricional. Alguns mamíferos herbívoros, como as cabras, usam o sentido do olfato para examinar as plantas, rejeitando algumas e consumindo outras. Também podem comer apenas uma parte específica de uma planta, como as flores. Muitos herbívoros também têm dentes especializados ou sistemas digestórios adaptados para processar vegetais." (Reece, JB et al. 2010 - Biologia de Campbell. Artmed, 10ª edição)



24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page